sexta-feira, maio 24, 2024
Destaque da Condsef

Portas para atender pauta dos servidores não estão fechadas, mas é preciso mobilização

O secretário-geral da Condsef/Fenadsef e o diretor da Confederação e da CUT, Pedro Armengol, fazem um resumo do resultado da conversa com o secretário de Gestão de Pessoas do MGI, José Feijóo. Assista na íntegra

Esta terça-feira, 3, teve Dia Nacional de Luta dos servidores federais, com atos em diversas capitais e movimento também nas redes sociais onde a categoria busca respostas para as principais demandas da Campanha Salarial 2024. Confira no Story em nossas redes sociais alguns registros das atividades nos estados nesta terça.

Em Brasília, uma comissão de servidores representados pelo Fonasefe, Fonacate e centrais sindicais, tentou se reunir com a ministra da Gestão, Esther Dweck. O secretário de Gestão de Pessoas do MGI, José Feijóo, recebeu os representantes dos servidores. 

O secretário-geral da Condsef/Fenadsef e o diretor da Confederação e da CUT, Pedro Armengol, fazem um resumo do resultado da conversa. Assista na íntegra.

Feijóo sinalizou que uma nova reunião da MNNP deve ocorrer somente em novembro, mas não descartou a possibilidade de apresentar alguma proposta aos servidores. No encontro as entidades cobraram detalhes sobre o que o governo tem para apresentar. 

Para Armengol, as portas para o avanço no atendimento de demandas urgentes não parecem estar fechadas, mas vão depender muito do poder de mobilização da categoria. 

A luta por recomposição salarial, reestruturação de carreiras, equiparação dos benefícios, revogaço e contra a PEC 32 deve seguir em todos os estados. Até sábado, 7, a agenda de atividades dos servidores em defesa de sua pauta de reivindicações continua. 

Acompanhe e participe. Valorizar os servidores é fortalecer o Brasil!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *